O Sal da Língua

Sons organizados de forma a exprimirem uma grande variedade de emoções.

Duffy, Rockferry

duf_.jpg

Mercy foi o single responsável pela ascenção de Duffy, uma jovem cantora galesa, que depressa foi apontada para seguir os passos já percorridos por Joss Stone (com resultados infelizes) ou Amy Winehouse (com resultados trágicos). A história deste Rockferry está ainda por escrever e será interessante seguir os desenvolvimentos. Uma primeira audição faz logo lembrar Dusty Springfield (a isto juntemos-lhe um sorriso de reconhecimento) num disco que é essencialmente soul. Rockferry está repleto de histórias infelizes, cantadas a preto e branco, como a capa do disco. Raramente Duffy se dá a conhecer para lá das maleitas de amor, um pouco também como nos olhos virados para o chão da mesma capa. O que fica é um manto de nevoeiro, uma estrada deserta e uma rima lenta que não sai da cabeça. Afinal, tudo o que um bom disco soul deve ter. O filão do regresso do soul com produção século XXI continua activo e é mais uma carreira promissora que nasce. A ver para onde vai.

Nota de Sal: 6/10
Referências: Dusty Springfield
Advertisements

1 Comment»

  teresa wrote @

não sei porque dizes que os resultados da joss stone são infelizes. Da amy eu ainda aceito. Rock in rio diz tudo… Ja a Joss foi uma senhora e tem uma voz espectacular. A duffy ja pude ouvir e adorei. Das tres cantoras soul da actualidade, sem duvida ke duffy e joss stone. As letras da amy sao porcas e não curto muito.


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: