O Sal da Língua

Sons organizados de forma a exprimirem uma grande variedade de emoções.

The Black Keys, Attack & Release

517jtetmz4l_aa240_.jpg

Attack and Release resulta de uma combinação estranha. Os The Black Keys são um duo rock puro e duro responsável por quatro registos de estúdio de boa concepção e produção, bem arranjadinhos à boa maneira clássica. Mas faltava O disco ou O single que lhes trouxesse notoriedade. Para Attack and Release juntaram-se a um dos produtores mais hype do momento, o senhor Danger Mouse, responsável por fenómenos como os The Rapture, Gnarls Barkley ou Gorillaz. A combinação parece pouco natural, mas é possível que fosse desta nova abordagem que os Black Keys precisavam. O som rock a fazer lembrar os anos de ouro do rock mais clássico dos Creedence Clearwater Revival, dos ZZ Top ou de uns Led Zeppelin na fase menos globalizada. Daqui resulta um excelente disco de originais, excelentes temas que valem por si só. Existe uma nova vaga de renascimento do rock (assim mesmo, sem adjectivos a anteceder a classificação), onde também é possível encontrar os excelentes Black Mountain. É difícil ficar indiferente a temas como Things Ain’t Like They Used to Be, Lies ou Strange Times. Grande disco.

Nota de Sal: 9/10
Referências: Black Mountain, Led Zeppelin

Advertisements

No comments yet»

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: