O Sal da Língua

Sons organizados de forma a exprimirem uma grande variedade de emoções.

Limbo, Panto, Wild Beasts

Eis um disco que não se ouve todos os dias. Aliar uma espécie livre de canto lírico a sintetizadores pop e a rock alternativo pode ser considerado demasiado arrojado, quase quase a tocar o ridículo. Mas não. Desta mistura resulta um disco que traz reminiscências de Antony Hegarty, Ilya e mesmo Muse, nesta ou naquela faixa. E os arranjos instrumentais e as variações vocais de Hayden Thorpe são interessantes o bastante para manter vivo o interesse durante a audição do disco. Aliás, existe grande potencial de single, resta saber se vai ser aproveitado.

Nota de Sal: 7,5/10

Referências: Ilya, Antony and the Johnsons

Advertisements

No comments yet»

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: